27Fev
By: admin Ligado: Fevereiro 27, 2019 In: Uncategorized Comments: 0

Viajar de moto é bom, na companhia de outro motociclistas, pode ser uma experiência ainda mais divertida. E foi com o intuito de unir os apaixonados por liberdade sobre duas rodas que surgiram os moto clubes, propagando, acima de tudo, o companheirismo e a lealdade. Hoje eu vou contar por aqui, um pouco sobre da história de longa data dos moto clubes.

Moto clubes e moto grupos são a mesma coisa?

Bom, vou começar explicando as diferenças simples entre moto clubes e moto grupos. Basicamente, os verdadeiros moto clubes, são associações que funcionam baseadas na irmandade e tradições motociclistas. Para isso, possuem um estatuto que rege seus membros e contam uma forte estrutura hierárquica organizacional e seguem uma filosofia própria. Já os moto grupos são associações sem compromissos, geralmente formadas por amigos, sem nenhum estatuto, resumidamente, é tudo mais informal e sem uma estrutura baseada em ideais. Até existem algumas patentes fictícias nos moto grupos, mas nenhum vínculo de responsabilidade.

A origem

A origem dos moto clubes tem suas raiz em 1897. Tudo começou com um clube de bicicletas, conhecido como Yonkers Bicycles Club, formado por amigos de  com um grupo de amigos em Nova York. Por volta de 1903, o lançamento da primeira Harley-Davidson fez com que essa galera trocasse as bicicletas por motos, criando então o Yonkers Motorcycles, o primeiro dos moto clubes que se tem registro na história.

moto clubes

Pouco a pouco, motociclistas de todas as partes do território americano, passaram a se reunir e fazer viagens juntos. Não demorou muito e vários moto clubes foram criados. Para diferenciar um do outro, os membros usavam suéteres idênticos e personalizados com algum símbolo único. Aos finais de semana suas rivalidades eram resolvidas com a disputa de corridas amadoras em subida de montanhas. Um dos mais famosos eram os 13 Rebels MC . No Brasil, a notícia é de que tudo começou em 1927 com o Moto Club do Brasil.

moto clubes

13 Rebels MC

Mudanças

No fim da Segunda Guerra Mundial, depois de anos de lutas e devastação, vários veteranos na América do Norte sentiam grande dificuldade em se readaptar à vida comum. Heis que as motocicletas e os seus moto clubes foram um refúgio para muitos homens e, inevitavelmente, a popularidade e a criação de novos moto clubes teve um aumento consideravelmente na década de 40. Consequentemente, os símbolos passaram a ser ainda mais importantes na diferenciação de cada MC, além da hierarquia militar ter se transformado na estrutura de níveis e cargos. O ponto negativo em tudo isso, foi que a rivalidade entre clubes cresceu e as brigas tornaram-se frequentes, o que deu brecha para o imaginário popular através da mídia, que se alimentava de notícias sensacionalistas.

No Brasil, o maior moto clube é a irmandade Bodes do Asfalto, mas o posto já foi do grupo Os Abutres. No mundo, quem tem o título de maior é o Hells Angels, dos Estados Unidos, que possui clubes no também em terras brasileiras.

Curiosidades do mundo dos moto clubes

MC: Sigla de abreviatura de moto clube, em inglês, motorcycle club.
Pela ordem, os cinco moto clubes nacionais mais antigos:
1927 – Moto Clube do Brasil
1932 – Motoclub de Campos
1947 – MC de Petrópolis (Fundado em 13 de Março de 1947, registrado em 15 de Maio de 1951).
1963 – Zapata M.C.
1969 – Balaios M.C.

E aí, ficou com vontade de fazer parte de um moto clube? Independente disso, o que conta mesmo é paixão pela estrada. Até a próxima! 🙂

Share This:

Trackback URL: http://club1903motorcycles.com.br/blog/2019/02/27/historia-moto-clubes/trackback/